REFLEXÕES SOBRE ILUSÕES E CRENÇAS

Assim como o Universo e o Mundo mudam o tempo todo, nós também estamos em constante mudança. E sendo assim, devemos considerar o fato de que essa interação entre nós e o que é Maior-Que-Nós deva também ser dinâmica e permitir mudanças.

Toda a nossa interpretação de mundo, nossa concepção sobre ele, como interagimos com ele e como o consideramos é baseada em crenças, e são elas que, independente de serem verdades ou mitos, definem nossas atitudes e parte do que somos.

Estamos sempre aprendendo e também sempre ensinando.reflexoes_crencas

Neste sentido, identificar essas crenças, questioná-las para revalidá-las ou não, pode ser um caminho de crescimento pessoal bastante interessante.

Acontece, entretanto, que uma forte crença testada e experimentada, mesmo sobre uma ilusão, pode nos dar a “certeza” que a ilusão é real. E essa realidade raramente gera, espontaneamente, uma necessidade de questionamento.

Existem formas para deixar o indivíduo “aberto a duvidar”, causando reflexões profundas sobre temas que normalmente não são tratados. E, se não são tratados, é menos por serem de difícil compreensão e muito mais por existirem barreiras a serem derrubadas, que impediriam nossa continuidade da forma como temos feito até hoje, obrigando-nos a criar novas estruturas de pensamento, de individualidade e, principalmente, de relação com as pessoas que nos rodeiam.

Uma reflexão sobre a realidade que vivemos nos deixará abertos a duvidar das ilusões, apesar destas ilusões estarem encobertas por certezas. E, antes de qualquer coisa, de qualquer tentativa de mudança ou de uma possível solução para as ilusões, deveríamos questionar: nós realmente necessitamos de nossas ilusões? Até que ponto elas são limitantes ou possibilitadoras? Quais são e onde estão as ilusões?

Experimentamos e passamos a crer tanto nelas que sequer as questionamos.

Responda sinceramente: O que falta em sua vida para você ser feliz? Será que falta algo mesmo?

 

Trecho do Livro CRENÇAS E DESILUSÕES,  do autor  Márcio Martins Moreira, Trainer e Coach.

Deixe uma resposta